ordemdosmedicos

"A Ordem terá de atuar". Bastonário avisa médicos que fazem escalas de urgência abaixo dos mínimos