wonderwoman

Opinião. Gal Gadot: a “Wonder Woman” das IDF que vence o terrorismo e o preconceito (e o convite ao Embaixador do Irão)

João Lemos Esteves