Sociedade

TSF cria Prémio Emídio Rangel

O director da TSF, Paulo Baldaia, anunciou hoje a criação do Prémio Emídio Rangel, em homenagem ao fundador daquela rádio, que vai ser atribuído anualmente a trabalhos feitos por rádios locais, universidades e nos países da lusofonia.

Paulo Baldaia fez o anúncio durante a apresentação da nova grelha de programas que vai arrancar a 22 deste mês, e explicou que o prémio será atribuído pela primeira vez no próximo ano. 

O prémio vai distinguir trabalhos realizados por rádios locais, universidades e nos países da lusofonia, como Angola, onde nasceu Emídio Rangel, Cabo Verde ou Moçambique.

A ideia partiu do jornalista Fernando Alves que integra o júri, tal como Paulo Baldaia, mas o mesmo será presidido por Ana Rangel, filha do fundador da TSF.

O prémio será entregue todos os anos no fim de Fevereiro, assinalando a data do aniversário da rádio (29 de Fevereiro).

Emídio Rangel, jornalista, fundador da TSF e antigo director-geral da SIC e da RTP, morreu a 13 de Agosto, aos 66 anos.

Lusa/SOL