Desporto

Fernando Santos: ‘O mais importante é ganhar, o resto não existe’

Na sua apresentação como o novo treinador da selecção, Fernando Santos disse que vem “para somar, não para dividir" e que “também no futebol o mais importante é ganhar, o resto não existe”.

Ao final da manhã desta terça-feira, confidenciou, que sempre sonhou com o cargo que agora vai ocupar e que está em “total sintonia” com o projecto do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes.

O antigo treinador da selecção grega acrescentou ainda que “há um objectivo concreto, que é estar no [Europeu] França 2016”. “E lá estaremos para dar um grande orgulho aos portugueses”, concluiu.