Internacional

Dois estudantes morreram num tiroteio numa escola nos EUA

Dois estudantes morreram depois de um tiroteio na cantina da secundária Marysville-Pilchuck, a 50 quilómetros de Seattle (EUA), esta sexta-feira às 10h45 hora local (18h45 em Portugal). O atirador, uma das vítimas, suicidou-se.


Quatro jovens ficaram feridos, dos quais três estão em estado grave.

Segundo o The Seattle Times, o estudante Austin Joyner publicou no Twitter que o autor dos disparos entrou na cantina, dirigiu-se a uma mesa e disparou contra dois alunos que estavam sentados. Os disparos provocaram o caos na escola, com os estudantes a fugirem da cantina.

A polícia continua a fazer buscas ao local e a encontrar alunos e funcionários escondidos.

Agentes do FBI já estão a caminho do local para ajudar na investigação, garantiu Ayn Dietrich, porta-voz da agência.

Este é o segundo incidente na região, este ano. No dia 5 de Junho, um estudante foi morto e outros dois ficaram feridos na Seattle Pacific University .

Os comentários estão desactivados.