Internacional

Taiwan multa pais que não controlem uso de videojogos

No mês passado, dois homens morreram ao fim de uma maratona de jogos em Taiwan: o mais novo, de 32 anos, foi encontrado morto num cibercafé ao fim de três dias seguidos de jogo; o outro, de 38, morreu após cinco dias consecutivos no computador.

Preocupado com casos como este, o governo de Taiwan aprovou há 15 dias uma lei que responsabiliza legalmente os pais que deixam os filhos passar «um tempo pouco razoável» agarrados a aparelhos electrónicos: podem ser obrigados a pagar uma multa até 1.350 euros. 

O objectivo, explicou o promotor da lei, o deputado Lu Shiow-yen, é evitar que os menores estejam mais de 30 minutos seguidos a usar estes aparelhos. A lei proíbe ainda que crianças com menos de dois anos usem qualquer tipo de equipamento electrónico. 

joana.f.costa@sol.pt

Viciados em videojogos

É viciado na internet? Faça aqui o teste