Vida

Jovem morre após operador do serviço de emergência recusar-se a ajudar

“Resolve tu o problema”. Foi essa a resposta que uma pessoa que ligou para o serviço de emergência ouviu, quando estava a tentar salvar um adolescente que tinha sido baleado.

Jaydon Chavez-Silver, de 17 anos, acabou por morrer. O incidente ocorreu no passado dia 26 de Junho, durante uma festa numa casa em Albuquerque (EUA).

Segundo o Daily Mail, na gravação da chamada, ouve-se a pessoa que telefonou a ‘perder a cabeça’, depois de o operador, um bombeiro, lhe ter perguntado diversas vezes se a vítima estava a respirar.

Em vez de manter a calma, Matthew Sanchez disse para então ser ela a resolver o problema. “Não tenho que aturar isto”, afirmou o bombeiro antes de desligar.

Jaydon estava sentado no balcão da cozinha de uma casa, quando alguém passou, ou de carro ou a pé, pela habitação e disparou vários tiros. Uma das balas atingiu o adolescente, que acabou por morrer já no hospital.

Apesar de estarem chocados com o que aconteceu com o operador, a família prefere concentrar-se em encontrar o homicida.

Matthew Sanchez foi retirado do cargo de operador e encontra-se a fazer trabalho administrativo, enquanto decorre uma investigação interna ao caso.