Sociedade

Ameaça de bomba dentro de avião no aeroporto de Faro

Uma ameaça de bomba foi feita, esta terça-feira, no interior de um avião estacionado no aeroporto de Faro. Um incidente que acabou por se revelar um "falso alarme", adiantou o porta-voz da TAP, António Monteiro.

O aeroporto esteve em "alerta laranja" desde as 06h00, o segundo mais grave de uma escala de três​. António Monteiro afirmou ainda que as autoridades "não encontraram nada".

O aparelho já foi devolvido à TAP e deverá levantar voo, em direção a Lisboa, por volta das 09h40. "O avião já foi devolvido pelas autoridades à TAP, Agora, vamos proceder ao embarque dos passageiros e a aeronave deverá descolar pelas 09h40", explicou António Monteiro à Lusa.

O avião da companhia aérea portuguesa deveria ter descolado, em direcção a Lisboa, por volta das 06h05. O aparelho, porém, nunca chegou a levantar voo. Os 38 passageiros foram retirados do avião.

No local, para onde foram acionados vários meios de socorro, estiveram diversas ambulâncias e a Brigada de Minas e Armadilhas.

Rui Oliveira, porta-voz da ANA, afirmou ainda à Lusa que a ameaça "foi feita por telefone e dizia respeito ao primeiro voo a descolar do aeroporto de Faro".

Artigo atualizado às 09h40