Sociedade

PJ detém mulher que terá matado recém-nascido

Após homicídio, corpo foi abandonado em local ermo

A Polícia Judiciária deteve uma mulher suspeita de matar o filho recém-nascido em Santarém. A mulher de 23 anos está indiciada pela prática dos crimes de homicídio e profanação de cadáver.

Segundo fonte oficial da PJ, “os factos ocorreram no início da passada semana tendo a investigação apurado que a detida, após o parto, terá provocado a morte ao filho recém-nascido”.

A mesma fonte adianta ainda que após o homicídio, a suspeita terá “abandonado o corpo num local ermo”.

A mulher será presente a primeiro interrogatório judicial nas próximas horas para que lhe sejam aplicadas as medidas de coação.