LifeStyle

Dois parques de campismo portugueses entre os melhores da Europa

Destaque foi dado à Quinta de Odelouca e ao Lima Escape


No ano passado, Portugal esteve em destaque pela qualidade de dois parques de campismo. Na hora de escolher os melhores parques de campismo da Europa, Jonathan Knight, do “Guardian”, elegeu dois portugueses: Quinta de Odelouca e Lima Escape.

A Quinta de Odelouca situa-se na bacia da ribeira e barragem de Odelouca e é descrita como “um pequeno parque de campismo rural”, “longe do litoral agitado, mas perto das belas praias e povoações do Algarve [cerca de 30 quilómetros] e do Alentejo [perto de 10 quilómetros]”. Este espaço é considerado, acima de tudo, “um sítio para todos os que amam a tranquilidade e a natureza”.

Já mais a norte, o destaque foi dado a Lima Escape. Este espaço (ver caixa das sugestões) situa-se no Gerês e não faltam opções na oferta que é dada a quem escolhe este local: é possível optar pelo alojamento tradicional de um parque de campismo ou pela estadia em bungalows ou em tendas especiais para quem pretende levar o conceito de glamping mais a sério.

Nesta lista, que foi feita pelo jornal britânico no ano passado, estavam ainda destacados parques de campismo localizados em Espanha como, por exemplo, o Camping Lagos de Somiedo e o Forest Days, perto de Barcelona.
Já em França, a escolha foi o La Ribière Sud e o Camping de Milin Kerhé. Também Itália viu o seu nome na lista por causa de dois parques de campismo: Lo Stambecco e Agricampeggio Madonna Di Pogi.

Eslovénia, Suíça, Luxemburgo e Holanda também figuravam nesta seleção, apesar de terem apenas um parque de campismo cada um. 

De acordo com os últimos dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), só em maio, os parques de campismo nacionais receberam 113,4 mil campistas que proporcionaram 323 mil dormidas.