Vida

Jovem faz-se passar pelo Presidente da República para adiar exames do liceu

Estudante tem 17 anos

Um jovem de 17 anos foi detido no Sri Lanka depois de entrar no site oficial da presidência do país e publicar um comunicado a ordenar o adiamento dos exames finais do liceu, lê-se no jornal Telegraph.

A polícia rapidamente localizou e deteve o estudante que se fez passar pelo presidente do país, Maithripala Sirisena.

O jovem, cuja identidade não foi revelada, arrisca uma pena de prisão por pirataria informática, que pode ir até aos três anos de cadeia.