Sociedade

Lisboa vai ter mais sete mil lugares de estacionamento

O presidente da câmara de Lisboa anunciou hoje que até ao final do próximo ano Lisboa vai ganhar sete mil lugares de estacionamento. Fernando Medina aproveitou o último debate do estado da cidade antes das autárquicas do próximo ano para anunciar uma medida que promete "melhorar a qualidade de vida da cidade".

Os novos lugares de estacionamento são direcionados principalmente para residentes, que vão contar com parques de avenças reduzidas. Além disso, está prevista a criação de lugares junto às estações de metro, com custo reduzido para os utilizadores de transportes públicos. Com esta medida, o autarca espera ver reduzido o número de carros a entrar no centro da cidade. "É urgente mudar esta realidade", refere, "queremos facilitar a vida aos residentes e dar mais escolha de mobilidade a quem entra na cidade".

Atualmente, existem já quatro parques, em São Vicente, Campo de Ourique e Casal Vistoso. Até ao final do ano está prevista a abertura de 15 novos parques, o que corresponde a mais de dois mil lugares de estacionamento em freguesias como Alcântara, Belém, Campolide e Lumiar.

Para 2017, ainda no primeiro trimestre, vão ser inaugurados onze parques no Areeiro, Penha de França e Santa Catarina. Outros onze parques têm abertura prevista para o segundo e terceiro trimestre do próximo ano.