Sociedade

Autoridade Marítima pede à população para se manter longe da costa

Ondas podem chegar aos sete metros. Estado do mar agrava-se já a partir de amanhã

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) emitiu hoje um comunicado em que alerta a população para o “agravamento do estado do mar nos próximos dias, com ondas que podem atingir os sete metros de altura”.

De acordo com a autoridade, as condições adversas do mar “terão maior incidência na costa ocidental a partir do fim do dia de amanhã, 14 de dezembro, atingindo o seu pico máximo na sexta-feira, dia 16 de dezembro”.

A comunidade marítima deve ter especial atenção, recomendando-se “o reforço da amarração e uma vigilância cuidada das embarcações, bem como a consulta regular dos avisos à navegação e do estado das barras, junto das capitanias dos portos”.

 Já a restante população deve evitar “passeios junto à costa, nomeadamente perto da rebentação, nas praias ou nos molhes das entradas das barras”, pede a AMN.