Internacional

Envelope armadilhado faz um ferido na sede do FMI em Paris

"Condeno este acto de violência cobarde", disse a diretora do FMI, Christine Lagarde.

Uma pessoa ficou ferida na manhã desta quinta-feira após uma explosão na sede do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Paris.

O engenho explosivo estava dentro de uma carta e deixou uma secretária da organização com alguns ferimentos.

O FMI já tinha, anteriormente, recebido várias chamadas com ameaças nos últimos dias, mas até agora não se sabe se os casos estão relacionados.

"Fui informada sobre a explosão nos escritórios do FMI em Paris, que causou ferimentos num dos nossos funcionários. Tenho estado em contacto com os escritórios, e estou solidária com os meus colegas. Condeno este acto de violência cobarde e reafirmo a determinação do FMI em continuar a trabalhar em linha com o nosso mandato. Estamos a trabalhar em conjunto com as autoridades francesas para investigar este incidente e garantir a segurança dos nossos funcionários”, disse a diretora do FMI, Christine Lagarde.

As pessoas foram retiradas das instalações por precaução.