Sociedade

Peritos já estão em Lamego para identificar vítimas da explosão

A Polícia científica e o Instituto de Medicina Legal já estão Lamego para identificação das vítimas da explosão na fábrica de pirotecnia, que provocou seis mortes.

Duas pessoas estão ainda desaparecidas e no terreno estão setenta e cinco operacionais a proceder às buscas.

O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, explicou esta manhã que a dimensão da explosão foi tal que a zona a bater seja bastante extensa.

"Os 75 operacionais que se encontram no terreno estão a fazer pesquisas numa área bastante grande. A explosão foi de uma dimensão fora do normal e obriga a que tenha de ser batida uma área bastante grande para tentarmos ver se encontramos as três pessoas desaparecidas", afirmou o governante.

[Notícia atualizada com novo númro de vítimas mortais]