Desporto

Campeonato do Mundo de Motonáutica quase a arrancar

É já nos próximos dias 21, 22 e 23 de abril que se realiza o Grande Prémio de Portugal, em Portimão

DR  

A primeira prova do Campeonato do Mundo de Fórmula 1 em Motonáutica, um dos mais emocionantes desportos de alta velocidade a nível mundial começa esta sexta-feira. O evento tem lugar no estuário do rio Arade e regressa com o aliciante de incluir dois espetáculos desportivos imperdíveis, uma vez que junta a modalidade da F4 ao “prato principal” da F1. Com 9 equipas participantes de seis países diferentes e 18 grandes pilotos de 11 nacionalidades, a especialidade de F1 é a mais antiga, mais internacional e mais bem-sucedida da motonáutica.

Os Emirados Árabes Unidos são o país mais representado com três equipas: a Victory Team, liderada pelos pilotos Ahmed Al Hameli e Shaun Torrente; a Team Abu Dhabi, cuja equipa é constituída pelos pilotos Thani Al Qamzi, Alex Carella e Rashed Al Qamzi; e a Emirates Racing Team, dos pilotos Marit Stromoy e Mike Szymura.

Convém realçar que a norueguesa Stromoy é a única piloto do sexo feminino num desporto tradicionalmente dominado por homens, tendo já feito história em Portimão em 2011 ao tornar-se a primeira mulher na F1 a conseguir uma pole position. Segue-se a CTIC F1 Shenzen China, equipa do atual tri-campeão do mundo Philippe Chiappe, que venceu também em Portimão no ano passado. O francês procura começar a sua campanha por um quarto título mundial da melhor maneira, com a revalidação da vitória no Grande Prémio de Portugal. É acompanhado do seu compatriota Peter Morin. A Itália faz-se representar por duas equipas, a Mad-Croc Baba Racing dos pilotos Sami Selo e Filip Roms e a Blaze Performance, liderada pelos pilotos Bartek Marszalek e Francesco Cantando. A França e a Suécia também apresentam uma equipa cada uma, a Maverick F1 que conta com os pilotos Cédric Deguisne e Amaury Jousseaume; e a Team Sweden, representada por Jonas Anderson e Erik Stark. Finalmente, Portugal apresenta a F1 Atlantic Team, liderada por Duarte Benavente.

Benavente é um dos pilotos mais experientes do circuito mundial da Fórmula 1 em Motonáutica, modalidade onde vai iniciar a sua 19ª temporada, precisamente no sítio onde se estreou em 1999: no rio Arade em Portimão. Em 2016, o lisboeta alcançou o oitavo lugar no Grande Prémio de Portugal/Algarve e foi um de dois pilotos a conseguir pontos em todos os Grandes Prémios do Campeonato do Mundo, feito que lhe permitiu alcançar no final do ano o 9º lugar da classificação. É acompanhado este ano pelo rookie australiano Grant Trask.