Vida

Macron já gastou 26 mil euros em maquilhagem

Presidente foi eleito há três meses e não quis contratar uma maquilhadora a tempo inteiro

O Presidente francês pode, ao contrário dos seus antecessores, não ter contratado uma maquilhadora a tempo inteiro, mas isso não o impediu de ter uma conta de 26 mil euros em maquilhagem.

O valor já foi confirmado, esta quinta-feira, pelo Palácio do Eliseu que adiantou que os 26 mil euros dizem respeito aos gastos desde que Macron foi eleito a 7 de maio, há cerca de três meses.

O Presidente terá pedido à maquilhadora que o acompanhou durante a campanha que trabalhasse para si em regime de prestação de serviços.

O Eliseu, segundo a edição francófona do Huffington Post, explica o valor com o caráter de urgência e as deslocações ao estrangeiro que alguns serviços implicaram, mas promete reduzir os gastos no futuro.

Por outro lado, os seus antecessores gastaram mais dinheiro em serviços semelhantes, Hollande gastaria cerca de 30 mil euros por trimestre e diz-se que Sarkozy ainda teria uma conta maior.