Sociedade

Incêndios. MAI pede auditoria para apurar responsabilidades

Eduardo Cabrita pede auditoria para apurar eventuais responsabilidades


Na sequência dos incêndios que deflagraram entre 14 e 16 de outubro, o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, pediu à Inspeção Geral da Administração Interna que faça uma auditoria à Proteção Civil, para apurar responsabilidades.

Nesses dias deflagraram centenas de incêndios, sendo que o dia 15 de outubro foi o pior dia do ano. Estes incêndios provocaram 45 mortes e cerca de 70 feridos.

Em junho, Portugal já tinha vivido uma tragédia semelhante com o incêndio de Pedrógão Grande, onde o fogo se alastrou para outros municípios e provocou 64 vítimas mortais e mais de 250 feridos.

Na sequência dos incêndios de outubro, a Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa pediu a demissão.

Os comentários estão desactivados.