Sociedade

Pais de menina chinesa que caiu do 21.º andar condenados a pena suspensa

Casal deixou criança sozinha enquanto foram para o Casino de Lisboa


Os pais da menina chinesa que morreu após ter caído do 21.º andar de uma residência no Parque das Nações, em Lisboa, foram condenandos a cinco anos com pena suspensa, avança a SIC Notícias.

O casal estava a ser julgado por crime de exposição ou abandono agravado pela morte da criança. O procurador do Ministério Público pediu condenação com pena suspensa por os arguidos não terem antecedentes criminais.

Recorde-se que em fevereiro do ano passado a criança ficou sozinha na residência enquanto os pais foram para o Casino de Lisboa.

Os comentários estão desactivados.