Desporto

Bruno de Carvalho reage à exigência de Marta Soares

Presidente do Sporting pediu a demissão de Jaime Marta Soares: "Se os sócios não tiverem a memória curta sairá pela porta pequena como em Poiares", escreveu

Bruno de Carvalho já respondeu à exigência de Jaime Marta Soares.

Depois do presidente da mesa da Assembleia Geral do Sporting ter pedido a demissão de Bruno de Carvalho, este já reagiu pedindo a demissão de Jaime Marta Soares.

Numa publicação no Facebook, no qual afirma estar a “caminho do hospital”, escreve que Jaime Marta Soares “criou a maior confusão vista na história do Sporting ao conduzir de forma infantil e incompetente uma AG. Com essa sua atuação, provocou a necessidade na direcção de fazer uma nova AG e eu a vir a público a defender um homem que não tem defesa possível. Este foco de problemas vem agora ameaçar-me”.

“Eu tinha-o avisado que mais uma dele e quem pediria a sua saída seria eu e não só os sócios como o fizeram de forma esmagadora só o mantendo porque eu o pedi. Escusa de reunir a MAG, que se diga nunca se reviu nele nem esteve a seu lado, pois serei eu a pedir novamente à direção para se fazer uma AG para os sócios se voltarem a pronunciar sobre nós e neste momento, separadamente, sobre os Presidentes da MAG e do CFD. Se os sócios não tiverem a memória curta sairá pela porta pequena como em Poiares”, completou.