Sociedade

Banqueiro luso-angolano Carlos Silva já está a ser ouvido

Testemunha crucial no julgamento da operação Fizz já está a ser ouvida.

O banqueiro luso-angolano Carlos Silva, testemunha chave no processo desde que o antigo procurador revelou a versão de que foi o banqueiro a contratá-lo e não o ex-vice-presidente de Angola Manuel Vicente, como defende a acusação, já está a ser ouvido no Campus de Justiça, em Lisboa.

Recorde-se que Carlos Silva esteve ausente de Portugal nos últimos meses, tendo mesmo pedido para ser ouvido por via Skype a partir de Luanda, Angola.

Apesar de tudo, banqueiro luso-angolano aceitou deslocar-se a Portugal tendo entrado em território português por via terrestre.

Carlos Silva é uma testemunha considerada crucial no julgamento da Operação Fizz depois de Orlando Figueira dizer que tinha sido ele a contratá-lo num acordo de cavalheiros em que prometia não referir o nome dos próprios advogados e do banqueiro luso-angolano.