Economia

Housers. Com 50 euros pode investir num imóvel em Paço de Arcos

Quando o apartamento for arrendado, os investidores receberão todos os meses uma parte do dinheiro

A plataforma online de crowdfunding Housers abriu uma nova oportunidade de investimento imobiliário localizada em Paço de Arcos. Este é o quinto projeto que dá a possibilidade aos portugueses de investir no mercado imobiliário em Portugal a partir de 50 euros.

Ao participar neste projeto, os investidores receberão todos os meses a sua parte proporcional resultante do arrendamento do imóvel, sendo que, devido ao InstantRent, começam a receber a rentabilidade estimada do arrendamento a partir do primeiro mês, sem terem de aguardar pela reforma do imóvel e procura de inquilino.
Segundo a Housers, o T1 situado na Rua Carlos Luz, em Paço de Arcos, oferece uma rentabilidade líquida mensal estimada de 4% no caso de arrendamento e uma rentabilidade acumulada estimada a 5 anos de 25,14% do arrendamento e venda do imóvel.
Para João Távora, CEO da Housers em Portugal, “investir em Paço de Arcos é uma oportunidade de investimento com grande potencial de valorização e procura. Situa-se num concelho com grande visibilidade, a poucos minutos do centro de Lisboa, e desempenha um papel fundamental no setor dos serviços, comércio e tecnologias de informação e comunicação. De acordo com o relatório de avaliação imobiliária desta zona, nos últimos 12 meses, a evolução dos preços de arrendamento na zona aumentou 12% e os preços de venda registaram um crescimento de 14%”.
Os investidores poderão ainda vender os seus títulos de empréstimo na opção Marketplace, onde é possível a venda e compra de títulos entre investidores.

Outros projetos A plataforma espanhola entrou no mercado nacional em outubro com vista a “democratizar o investimento no setor imobiliário”. O primeiro projeto financiado em Portugal foi um T1 em Campo de Ourique, um investimento de 193 mil euros. O imóvel foi vendido em 20 dias e ganhou 453 novos donos. O segundo foi um T1 no bairro de Santos ao Rego, em Lisboa.
Além de imóveis, a Housers oferece ainda aos investidores a oportunidade de, também por um valor mínimo de 50 euros, adquirirem uma participação numa obra de arte. Quando esta for vendida ou alugada, os investidores lucram através dos juros.