Desporto

Vieira também pode vir a enfrentar uma AG de destituição

Grupo está a recolher assinaturas nas redes sociais 

Um grupo de sócios encarnados está a fazer correr nas redes sociais uma recolha de assinaturas com o objetivo de realizar uma assembleia-geral de destituição da direção do Benfica.

A informação é avançada pelo jornal A Bola, que diz que o grupo estará numa fase relativamente adiantada de recolha de ‘votos’. A organização está a pedir o nome, número de sócio e a quantidade de votos a que tem direito.

Esta ação é semelhante à que levou à saída de Bruno de Carvalho da liderança do Sporting. No Benfica, são necessários 10 mil votos para que se possa realizar este tipo de ação extraordinária.

"Chegou a hora. A venda do nosso melhor jogador do Séc.XXI é a gota de água de um sem número de actos de gestão danosa cometidos pelo grupo de bandidos de carácter duvidoso encabeçado por Luis Filipe Vieira", refere a publicação.

“Podíamos continuar aqui o dia todo a escrever porque, de facto, não há limite para os danos que Luis Filipe Vieira está a causar ao Sport Lisboa e Benfica. E por isso queremos liderar um processo que será tudo menos fácil de reunir as necessárias assinaturas para conseguirmos uma Assembleia Destitutiva no Sport Lisboa e Benfica”, lê-se no mesmo texto.