Internacional

Indonésia. Resgatados com vida 31 jovens que estavam presos numa escola desde o sismo

As equipas de resgate encontraram com vida 31 menores que tinham ficado presos em dois colégios, uma semana após o terramoto e tsunami que atingiu a ilha de Celebes na sexta-feira, dia 28 de setembro.

Os jovens – todos menores de idade - foram resgatados ontem em dois centros de formação profissional: 23 deles no subdistrito de Marawola, em Sigi, e outros oito em Tondo, avançou à agência espanhola EFE o porta-voz da Basarnas, Yusuf Latif.

“A catástrofe ocorreu na sexta-feira, pelo que [os adolescentes] estavam ainda a estudar nas escolas”, disse o responsável, sublinhando que todos os jovens já se encontram com as famílias.

Além disso, o porta-voz informou ainda que o governo indonésio estendeu o período de busca até aos 14 dias depois do desastre.

As autoridades locais elevaram hoje para 1.649 o número oficial de mortos provocados pelo terramoto e tsunami.