Sociedade

Investigadores descobrem novo escaravelho subterrâneo em Portugal

Descoberta aconteceu na Serra do Sicó

Foi descoberto um novo escaravelho subterrâneo em Portugal. Segundo uma investigação publicada no boletim ZooKeys, na última segunda-feira, o animal, sem olhos e sem pigmentação no corpo, é o primeiro do género a ser descoberto no país.

A descoberta aconteceu na gruta de Soprador do carvalho, no concelho de Penela, por Ignacio Ribera, do Instituto de Biologia Evolucionária, em Espanha, e de Ana Sofia Reboleira, da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca.

A gruta faz parte do sistema de Dueça e estende-se por quatro quilómetros na serra do Sicó.

O escaravelho, uma fêmea, é da espécie  'Iberoporus pluto' tem 2,8 milímetros de comprimento e 1,1 milímetros de largura e corpo alaranjado.

O facto de este escaravelho não ter olhos, nem pigmentação no corpo, revela adaptação a meios onde não existe luz solar. Os membros longos e as atentas indicam que a espécie tem poucas capacidades para nadar.

Veja aqui.