Sociedade

Agressões no Bairro da Jamaica provocam três feridos, dois polícias e um civil | VÍDEO

PSP afirma ter sido alvo de arremesso de pedras, causando ferimentos na boca de um dos polícias. O vídeo que anda a correr as redes socias mostra um pouco do que acontece neste bairro do Seixal

O vídeo está a correr as redes sociais e foi filmado no Bairro da Jamaica, no Seixal.

 

Segundo a mulher que publicou o vídeo, e que afirma não o ter filmado, nenhum dos intervenientes ameaçou os polícias ao ponto destes terem recorrido à violência. 

No entanto, a PSP deu a conhecer um cenário diferente. "Na abordagem policial para perceber as circunstâncias da ocorrência e na identificação dos indivíduos envolvidos registaram-se algumas reações contra a intervenção policial por parte de indivíduos residentes naquele bairro, que arremessaram pedras em direção do efetivo policial, tendo causado ferimentos na boca de um dos polícias, o qual teve necessidade de receber tratamento hospitalar", pode ler-se num comunicado de imprensa enviado pela PSP.

Segundo o mesmo comunicado, os polícias terão sido chamados ao bairro por supostos desacatos entre várias mulheres. 

Depois de ter agredido um dos polícias, um homem foi detido e terá reagido de forma violenta, "assim como outros indivíduos do bairro, que tentaram, através do arremesso de vários objectos e de ações físicas agressivas, impedir que a polícia exercesse a sua autoridade e consumasse a detenção", explica PSP. 

Desta forma, a polícia diz ter sido obrigada a a chamar a Equipa de Intervenção Rápida (EIR) que se viram posteriormente obrigados a usar a força "estritamente necessária" para por fim às agressões de que estavam a ser alvo. 
"Na sequência desta intervenção há assinalar ferimentos em dois polícias e num civil", adianta  PSP que afirma que a situação irá ser alvo de averiguação interna, "tendo o Diretor Nacional da PSP determinado, na presente data, a instauração de um processo de inquérito que correrá os seus trâmites na Inspeção Nacional da Polícia de Segurança Pública, sem prejuízo de outras averiguações que venham a ser instauradas por outras entidades competentes", pode ler-se.