Sociedade

Criança de três anos fugiu de casa sem que ama se tenha apercebido em Tomar

Pais apresentaram queixa contra a ama

Um menino de três anos fugiu, esta terça-feira, da casa onde estava com a ama, em Tomar.

Segundo o Correio da Manhã, os pais apresentaram queixa na PSP contra a mulher, que alegadamente não deu conta da fuga da criança.

Depois de sair de casa, a criança caminhou cerca de 500 metros até às proximidades de uma clínica dentária.

O mesmo jornal escreve que a ama atira as culpas do sucedido para a própria criança. A mulher terá dito às autoridades que não tem culpa, uma vez que foi a criança a abrir a porta de casa.

Não é sabido quanto tempo o menino esteve desaparecido.