Sociedade

Jeovás ‘invadem’ Estádio da Luz

O Estádio da Luz, em Lisboa, vai acolher o Congresso Internacional das Testemunhas de Jeová em 2019, confirmou o SOL junto de fonte oficial do Benfica, que adiantou que o recinto será alugado aos «preços de mercado».

«É mais do que certo que o congresso irá realizar-se no Estádio da Luz e que a decisão de o ceder para o evento foi tomada pela maioria dos dirigentes do Sport Lisboa e Benfica que têm voto na matéria, mas também é certo e seguro que se levantarão muitas vozes discordantes dentro do Benfica e muita troça na opinião pública», escreve um dos participantes no evento, num site de ex-Testemunhas de Jeová. «Foi confirmado através de carta lida nas congregações na semana passada que o congresso vai realizar-se no estádio do Sport Lisboa e Benfica», revela outro subscritor do mesmo site.

O SOL apurou que o encontro decorrerá no último fim de semana do próximo mês de junho, estando o estádio da Luz reservado para o evento nos dias 28 a 30 desse mês.

De acordo com os estatutos do clube, o Benfica «é constituído por um número ilimitado de sócios cuja qualificação resulta apenas da respetiva antiguidade e dos galardões atribuídos, não se diferenciando em razão da raça, género, sexo, ascendência, língua, nacionalidade ou território de origem, condição económica social e convicções políticas, ideológicas e religiosas». Ou seja, em termos estatutários, nada obsta ao aluguer do estádio a qualquer confissão religiosa.

No entanto, há já alguns sócios do clube das águias que estão a questionar se o facto de o Estádio da Luz vir a acolher um evento religioso poderá criar algum tipo de discriminação religiosa ou diferenciação entre sócios, designadamente durante o evento, uma vez que o respetivo acesso estará naturalmente restrito aos participantes no encontro Jeová.