Sociedade

Lisboa é a 95ª cidade mais cara do mundo

"Lisboa, isolando as cidades europeias, já está a ficar equiparada a cidades como Berlim (81ª), Madrid (82ª) ou Barcelona (92ª)".

Apesar de ter descido duas posições, Lisboa continua a ser uma das 100 cidades mais caras do mundo, de acordo a consultora, Mercer, que analisa o custo de vida de 209 cidades a nível mundial. A capital portuguesa ocupa o 95º lugar no ranking liderado por Hong Kong. 

"Lisboa cai duas posições, mas tinha subido 44 em 2018", relembra Tiago Borges, líder da área de remunerações da Mercer Portugal que declara que a posição se deve, em grande parte, ao custo da habitação. 

De acordo com Tiago, a descida não comprova que a cidade tenha ficado mais barata mas sim que o custo de vida em outras cidades aumentou pois “em termos absolutos não houve uma descida”.  

"Lisboa, isolando as cidades europeias, já está a ficar equiparada a cidades como Berlim (81ª), Madrid (82ª) ou Barcelona (92ª)", comenta Tiago Borges. "Mesmo em relação a Bruxelas (78ª) a diferença já foi maior. Lisboa começa a aproximar-se, sobretudo nos últimos 4, 5 anos, do nível de vida das cidades mais caras". 

O top dez do ranking, seguido de Hong Kong é Tóquio (2.º), Singapura (3.º)  Seul (4.º), Zurique (5.º), Shangai (6.º), Ashgabat (7.º), Pequim (8.º), Nova Iorque (9.º) e Shenzhen (10.º).