Vida

Acusação contra Kevin Spacey retirada em tribunal

Will Little, atualmente com 21 anos, retirou a queixa contra o ator

O ator, diretor, produtor e comediante Kevin Spacey, de 59 anos, tem estado envolvido em polémica desde os anos 90. Primeiro, os media desconfiavam da ausência de aparições públicas com uma namorada e, em 2017, o ator Anthony Rapp acusou Spacey de se ter tentando envolver sexualmente com ele quando tinha somente 14 anos. Depois das acusações de Rapp, outras pessoas decidiram queixar-se, como três homens britânicos que afirmaram ter sido violados pelo mesmo em 1996, 2008 e 2013.

Em novembro de 2017, numa conferência de imprensa realizada em Boston, a jornalista norte-americana Heather Unruh explicou que Spacey abusou sexualmente do filho, Will Little, em julho de 2016. De acordo com a profissional, o rapaz tinha 18 anos à época e os alegados factos criminosos ocorreram no restaurante Club Car, em Nantucket, no estado de Massachusetts.

Às autoridades norte-americanas, o jovem avançou que trocou mensagens com a namorada durante o incidente e que Spacey passou meses a tentar obter cópias da conversa e o telemóvel em si. Em maio do ano passado, o advogado de defesa do filho da antiga pivô da WCVB confirmou que o dispositivo estava oficialmente desaparecido. Um mês depois, Unruh admitiu ter apagado vários ficheiros do telemóvel antes de o ter entregue à polícia. Volvidos poucos dias, o rapaz admitiu estar com “um trauma emocional” devido aos acontecimentos.

Contudo, as acusações caíram em tribunal, na última quinta-feira, após veredicto dos procuradores na medida em que Little retirou a queixa contra o ator. O procurador de Cape & Islands, Michael O’Keefe, num documento a que vários órgãos de comunicação social dos EUA tiveram acesso, expôs que “nolle prosequi” – equivalente a “não estar disposto a prosseguir” – devido à “falta de disponibilidade da testemunha.

Recorde-se que, desde o início da controvérsia, Spacey foi removido do elenco de ‘House Of Cards’ e do filme ‘All the Money in the World’.