Cultura

Morreu Richard Williams, o criador de Roger e Jessica Rabbit

O animador, vencedor de três Óscares, morreu aos 86 anos.

Richard Williams, ilustrador, animador e professor multipremiado, morreu este sábado em Bristol, no Reino Unido, onde residia. Tinha 86 anos e uma longuíssima carreira ligada à animação no cinema, e é a ele que se deve a criação das personagens Roger e Jessica Rabbit, imortalizadas no filme, Quem Tramou Roger Rabbit (1988). Williams foi o diretor de animação do filme, realizado por Robert Zemeckis. Curiosamente não conquistou nenhum Óscar com aquele que veio a tornar-se no mais mediático dos seus trabalhos, mas ao longo da carreira venceu três estatuetas douradas e dois prémios Bafta.

Nascido em Toronto, em 19 de março de 1933, mudou-se para o Reino Unido na década de 50, onde acabou por permanecer e trilhar o seu caminho. Foi aqui que iniciou a sua carreira com o filme The Little Island (1958), com o qual conquistou o seu primeiro Bafta atribuído pela Academia de Cinema Britânica. Ainda no mesmo ano, lançou The Wardrobe. 

Foi a partir dos anos 70 e 80 que o seu trabalho, à época revolucionário, começou a contribuir para uma nova era na animação no cinema. Em 1971, Richard Williams adaptou ao cinema Um Conto de Natal, o clássico de Charles Dickens, que lhe valeu um Óscar de Melhor Curta-Metragem de Animação. Trabalhou também em filmes como O Regresso da Pantera Cor de Rosa (1975) ou Casino Royal (1967), entre outros. Em 1982, venceu mais um Bafta por The Little Island.

Além da produção de conteúdos, Williams foi realizando várias palestras sobre a animação e acabou por condensar a sua experiência no livro The Animator’s Survival Kit (2001), ainda hoje considerado fundamental para quem trabalha no meio. O manuscrito, onde partilha dicas, truques e algumas técnicas, conjugadas com a história da animação do cinema, é descrito como o melhor livro disponível sobre o tema.