Economia

Clientes da Caixa passam a ter acesso a um “personal trainer” financeiro

A app DABOX permite aos utilizadores adicionar as contas à ordem dos principais bancos a operar em Portugal.

A Caixa lançou a app DABOX. Com esta nova ferramenta, os clientes da Caixa passam a ter acesso a um “personal trainer” financeiro no seu smartphone que lhes permitirá tomar melhores e mais informadas decisões financeira. Trata-de, de acordo com a instituição financeira, de "uma inovação única no mercado português, resultado do investimento na transformação digital do banco.

De acordo com o banco público, esta solução tira partido das novas oportunidades criadas pelo movimento de Open Banking potenciadas pela nova Diretiva de Serviços de Pagamento (DSPII), integrando várias funcionalidades tornadas possíveis pela agregação de informação bancária.

A app DABOX permite aos utilizadores adicionar as contas à ordem dos principais bancos a operar em Portugal, tendo assim uma visão integrada das suas disponibilidades financeiras; permite ainda ter, automaticamente e em segundos, graças a um poderoso motor analítico, todos os seus movimentos categorizados em, por exemplo, lar, alimentação, transportes, compras, lazer e saúde, entre outros.

"A esta visão integrada das finanças pessoais acresce ainda um conjunto alargado de dicas personalizadas sobre a gestão do seu dinheiro. Com esta app, o utilizador consegue saber, a qualquer momento, quanto dinheiro  tem para gastar até ao final do mês e em que categorias está a gastar o seu rendimento, para além de ser alertado para pequenos detalhes que podem fazer toda a diferença: débitos duplicados, movimentos estranhos ou a ocorrência de saldos anormalmente baixos. Adicionalmente, o utilizador pode também definir objetivos de poupança e orçamentos específicos para determinado tipo de despesas, que são monitorizados pela app, para ajudar a gerir melhor o rendimento disponível", refere.

A app está disponível na App Store e na Google Play para clientes Caixa, com contrato Caixadirecta ativo, permitindo uma visão sobre todas as contas que possuam na CGD e nos restantes Bancos, e estará disponível para todos os não clientes da Caixa muito em breve.

"A Caixa pretende posicionar-se como o principal player a impulsionar o movimento do Open Banking no nosso mercado por via da promoção de novas práticas na gestão do dia-a-dia dos portugueses, nas quais se inclui a gestão das finanças pessoais". salienta.

Esta nova solução nasce no âmbito do Programa de Transformação Digital da Caixa e é resultado de uma parceria com a fintech sueca Tink, que está empenhada, desde 2012, em ter um papel relevante no âmbito o Open Banking. Com esta parceria, a Caixa junta-se ao alargado leque de parceiros da Tink como PayPal, NatWest, ABN AMRO, BNP Paribas Fortis e Nordea, entre outros, alguns dos quais,como o Nordea, o ABN AMRO e o PayPal, seus investidores diretos.