Vida

Três homens acusados de provocar a morte de Mac Miller

O rapper morreu em setembro de 2018.

DR  

Os três homens detidos, suspeitos de terem vendido drogas ao rapper Mac Miller, que causou uma overdose mortal ao artista, foram acusados esta quarta-feira, de acordo com promotores dos EUA. 

Cameron Pettit, Stephen Walter e Ryan Reavis são acusados de terem vendido comprimidos de cocaína e oxicodona com fentanil ao cantor, o que acabou por causar a morte do jovem, em setembro de 2018. Esta não é a primeira vez que os arguidos são acusados de crimes relacionados com drogas e a acusação acredita que estes tenham continuado a vender droga até agosto de 2019.

O rapper de 26 anos morreu de overdose por consumir fentanil (opioide), juntamente com cocaína e álcool.