Internacional

Escola implementa "técnica anti-cópias" e coloca caixas de cartão na cabeça dos alunos

O vice-diretor do Conselho de Educação local descreveu a prática como "desumana".

 

A tentativa de uma escola em Haveri, na Índia, para os alunos não copiarem durante um exame de Química, foi duramente criticada nas redes sociais: Os professores do instituto decidiram que os alunos deveriam utilizar caixas de cartão na cabeça durante o teste. 

Pelas imagens, pode ver-se que a caixa tem um corte na parte da frente para permitir que os alunos possam ver o teste, no entanto a visão periférica foi eliminada. 

Um dos administradores da escola já veio a público pedir desculpa pela "técnica anti-cópias" invulgar e afirma que esta foi apenas “implementada numa base experimental”, após ter sido usada noutra cidade, adiantou a BBC.

Segundo a mesma fonte, a técnica foi aplicada com o consentimento dos alunos. "Não houve qualquer tipo de coação. Nas fotografias pode ver-se que alguns estudantes não estavam a usar a caixa", disse ele. "Alguns que usaram, removeram-na após 15 minutos, outros após 20 minutos e nós mesmos pedimos aos restantes que removessem após uma hora".

O vice-diretor do Conselho de Educação local descreveu a prática como "desumana"."Quando recebi uma mensagem sobre a situação fui imediatamente para a escola e ordenei à gerência que parasse a prática", disse ao Times of India. "Também enviei um aviso para a gerência e estou a averiguar uma ação disciplinar pela implementação da ideia", acrescentou.

Os funcionários da escola disseram que não vão voltar a usar a medida e afirmam estar a cooperar com a Direção do Conselho de Educação.