Economia

ERC não se opõe à junção da Media Capital e Cofina

Entidade Reguladora para a Comunicação Social considera que a operação não coloca em causa os valores do pluralismo e da diversidade de opiniões.

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) não vai estar contra a compra da Media Capital por parte da Cofina. 

Em comunicado enviado às redações, a ERC avança que “o Conselho Regulador da ERC deliberou não se opor à operação de concentração da Cofina e Media Capital, sem prejuízo das ressalvas enunciadas na respetiva deliberação”.
A posição da ERC é justificada “por não se concluir que tal operação coloque em causa os valores do pluralismo e da diversidade de opiniões, cuja tutela incumbe à ERC aí acautelar”.

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social informou ainda que “o parecer foi já remetido à Autoridade da Concorrência, dele tendo sido notificada a requerente da operação”.

Recorde-se que a Autoridade da Concorrência anunciou que que a contagem dos 30 dias para a entidade deliberar a fusão estava suspenso à espera da ERC. Fica então a faltar a posição da Autoridade da Concorrência, que poderá fazer com que o negócio se concretize ou não.