Politica

PAN quer ouvir Ministra da Saúde acerca do caso do bebé Rodrigo

O partido julga ser fundamental que o Governo saiba qual a posição e os esclarecimentos que terá a prestar sobre este caso.

O partido liderado por André Silva quer que Marta Temido e Miguel Guimarães sejam ouvidos, na Assembleia da República, juntamente com a presidente da entidade Reguladora da Saúde (ERS), Sofia Nogueira da Silva, acerca do caso do bebé que nasceu com malformações.

Em comunicado, o PAN esclarece que enviou, esta quinta-feira, “o requerimento para esta audição (...) à presidente da Comissão Parlamentar da Saúde”.

Apesar de a Ordem dos Médicos ter já anunciado que está a tomar medidas relativamente ao caso do bebé Rodrigo – e não só –, “o PAN entende que é urgente uma explicação, junto da Comissão Parlamentar de Saúde”. Deste encontro, o partido espera esclarecer quais os objetivos e a “operacionalização” das medidas anunciadas pela Ordem dos Médicos. “A forma como se pode evitar que casos como este se repitam no futuro” é também um dos interesses do PAN.

 Bebiana Cunha aponta ainda que “aqui está em causa, entre outros aspetos, a falta de fiscalização da Entidade Reguladora da Saúde (ERS) a esta clínica em concreto, matéria que deve ser alvo" de uma análise feita pelos deputados.

A deputada, eleita este ano pelo círculo eleitoral do Porto, sublinha ainda que as limitações de recursos humanos da ERS são um “entrave ao desempenho eficaz em termos de fiscalização dos milhares estabelecimentos de saúde do país".