Internacional

Lula partilha apoio de ex-govenantes após a sua libertação

Pepe Mujica e François Hollande manifestaram o seu apoio ao antigo presidente brasileiro.

Duas horas depois de Lula da Silva ter saído da prisão federal onde estava há 580 dias, François Hollande reagiu nas redes sociais.


"O lugar de Lula não estava na prisão. A liberdade foi-lhe restaurada, eu sei que ele a colocará ao serviço do Brasil", escreveu o ex-presidente francês no Twitter.


Também José Mujica, que foi presidente do Uruguai entre 2010 e 2015, se manifestou num vídeo, que Lula partilhou na sua página oficial do Twitter. "Creio que o Brasil e a Amárica recuperam alguém que, apesar de tudo, segue sendo um símbolo - o que será seguramente por muito tempo".

O ex-governante, mais conhecido por Pepe Mujica acrescenta ainda que "se acreditasse en Deus, teria que agradecer" a liberdade de Lula.