Internacional

Guilherme emocionou a Internet após ser filmado a estudar em loja porque não tinha computador em casa

Menino não tem acesso a computador ou Internet.

Na última sexta-feira, um funcionário de uma loja da Samsung de um centro comercial em Recife, no Brasil, partilhou um vídeo em que mostrava uma criança que se tinha dirigido aquele ponto de venda para estudar, tudo porque não tinha nem dispositivos eletrónicos, nem acesso à Internet em casa.

“Chegou envergonhado para fazer um trabalho de Geografia no tablet da loja, pois não tem equipamento nem acesso a Internet em casa, belo exemplo para quem quer ser alguém na vida”, escreveu o funcionário na legenda do vídeo, partilhado no Instagram, e que rapidamente se tornou viral ao comover os utilizadores.

Conta a revista Crescer, da Globo, que a criança em questão se chama Guilherme Henrique Santos, de 10 anos. Depois de milhares de visualizações e partilhas, a página Razões para Acreditar decidiu ajudar o menino e traçou o objetivo de angariar 10 mil reais, cerca de dois mil euros, para ajudar nos estudos. No entanto, o objetivo rapidamente foi ultrapassado e, neste momento, já tinham sido angariados mais de 19 mil reais, mais de quatro mil euros.

A página decidiu então que, depois de cumprida a primeira meta, o objetivo agora é angariar dinheiro para ajudar a remodelar a casa da família, que se encontra sem condições para habitar. Segundo a Razões para Acreditar, Guilherme mora atualmente com a mãe, que se divide entre dois trabalhos para sustentar a família, e um irmão, de 14 anos, numa casa alugada.

Também a Samsug ficou comovida com a história de Guilherme e acabou por oferecer um tablet ao menino.