Sociedade

Polícia Marítima portuguesa resgatou mais de 60 migrantes esta quinta-feira

Os migrantes foram entregues às autoridades gregas.

A Polícia Marítima portuguesa resgatou, esta quinta-feira, 68 migrantes, numa missão na ilha grega de Lesbos, entre os quais dois recém-nascidos.

Primeiramente, a Polícia Marítima resgatou 33 migrantes, entre os quais 12 crianças, que seguiam num bote, a cerca de 3,7 quilómetros a Este do Cabo Karokas.

Mais tarde, as autoridades portuguesas voltaram a detetar um bote a Este da região de Tsonia. Na embarcação estavam 12 homens, 12 mulheres e 11 crianças.

Os migrantes de ambos os botes "foram transferidos para a embarcação 'Arade' da Polícia Marítima, que os transportou e posteriormente desembarcou, no porto de Skala Skamineas, onde foram entregues às autoridades gregas em segurança", refere a Autoridade Marítima Nacional em comunicado.