Internacional

Uber fica sem licença em Londres

Regulador fala de “motoristas potencialmente sem licença e sem seguro”. Empresa contesta decisão e promete “resolver esta situação”.

O regulador dos transportes de Londres voltou a não renovar a licença de atividade da Uber na capital do Reino Unido. A informação, avançada pela Reuters, acrescenta que esta é a segunda vez que tal acontece, no espaço de apenas dois anos. A empresa de transportes de passageiros tem agora 21 dias para recorrer desta decisão, podendo, ainda assim, continuar a operar na região durante este período.

De acordo com o regulador, citado pela Reuters, está em causa a segurança dos passageiros, uma vez que existem registos de “motoristas potencialmente sem licença e sem seguro” a trabalhar para a empresa

Em comunicado, a Uber classifica esta decisão como “extraordinária e errada”, garantindo que tem vindo a desenvolver padrões de segurança, nos últimos dois anos, e melhorando os seus procedimentos. Na nota, a Uber refere possuir, neste momento, 45 mil motoristas licenciados em Londres e transportar 3,5 milhões de passageiros na cidade e região, anunciando que tudo fará “para resolver esta situação”.