Sociedade

Tem medicamentos para aviar? Prescrição eletrónica de receitas desligada às 14h

Se tem receita eletrónica, procure aviá-la até às 13h00 deste sábado.

Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, EPE, (SPMS) vão desligar totalmente os sistemas informáticos de suporte às receitas eletrónicas entre as 14 horas deste sábado e as 08 horas de amanhã, domingo. Assim, a Associação Nacional de Farmácias (ANF) apela para que os utentes tentem aviar as suas receitas antes deste período.

Em comunicado, a ANF refere que a informação de que os serviços partilhados do Ministério da Saúde vão desligar a prescrição eletrónica durante 18 horas só chegou, através de um email, pelas 18h43 desta sexta-feira. Desta forma, a ANF vai reforçar as suas equipas para “garantir uma resposta aos doentes urgentes que se apresentem naquele período com receita eletrónica nos telemóveis”.

“É incompreensível que um sistema crítico para a saúde das pessoas não disponha de redundâncias que evitem a sua total paralisação por um período contínuo de 18 horas”, considera Miguel Lança, Diretor de Sistemas de Informação da ANF.

De acordo com a mesma nota, estão previstos “grandes atrasos decorrentes da confirmação telefónica, caso a caso, dessas prescrições” e, por isso, a ANF recomenda aos doentes já possuidores de receita médica que procurem aviá-la nas farmácias até às 13h00 deste sábado.

“É inaceitável que um distúrbio desta magnitude no sistema de suporte às receitas médicas seja comunicado subitamente, de véspera, impedindo as farmácias e os próprios doentes de planificarem alternativas”, acrescentou Miguel Lança.

A ANF considera que “este lamentável episódio mostra que o doente ainda está muito longe de ser o centro do sistema de saúde em Portugal, existindo empresas públicas que tomam decisões como se estivessem sozinhas no mundo”.