Vida

Maria Vieira critica presidente da AR com imagem de Rita Ferro Rodrigues: "Quem sai aos seus não degenera"

Em causa está a polémica com o deputado André Ventura.

Maria Vieira recorreu às redes sociais para criticar Rita Ferro Rodrigues e o pai, Eduardo Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República.

A humorista utilizou uma fotografia da apresentadora, onde esta surge na casa de banho, para comentar depois a polémica entre Eduardo Ferro Rodrigues e o deputo único do Chega, André Ventura.

“Lá em casa, uns estão-se a cag#ar para o Segredo de Justiça e para a Liberdade de Expressão de alguns deputados da Assembleia da República e outras estão-se a cag#ar para passar vergonha…”, começou por escrever a atriz.

“É caso para dizer. ‘Quem sai aos seus, não degenera”, acrescentou.

Recorde-se que André Ventura foi repreendido pelo presidente da Assembleia da República, pela sua utilização da palavra “vergonha”, no debate quinzenal, durante a sua intervenção sobre o tema da remoção de amianto das escolas.

“O senhor deputado utiliza a palavra ‘vergonha’ e ‘vergonhoso’ com demasiada facilidade, o que ofende muitas vezes todo o Parlamento e ofende-o a si também”, advertiu Ferro Rodrigues

André Ventura voltou então a pedir a palavra para fazer defesa da honra, acusando o presidente da AR de estar a pôr em causa a sua liberdade de expressão. Mas o presidente voltou a responder-lhe: “Não há liberdade de expressão quando se ultrapassa a liberdade dos outros”.