Sociedade

Derrame de matérias perigosas no hospital do SAMS nos Olivais provoca quatro feridos

De acordo com declarações de fonte hospitalar, o incidente ocorreu no laboratório de análises.

Quatro pessoas necessitaram de receber assistência, na sequência de um derrame de matérias perigosas no hospital do SAMS, nos Olivais, em Lisboa, que levou à evacuação de três pisos do edifício e à retirada de cerca de 60 pessoas, esta sexta-feira, avançou a Renascença. 

O alerta foi registado pelas 12h20. Os quatro feridos ligeiros, todos funcionários do hospital, foram assistidos nas urgências da unidade. Um deles já teve alta e é esperado que os restantes abandonem o internamento brevemente, segundo fonte do hospital. 

O incidente ocorreu no departamento de Anatomia Patológica do Hospital dos Serviços de Assistência Médico-Social (Sindicato dos Bancários). Segundo a mesma fonte, uma mistura de substâncias químicas na zona de despejo despoletou uma reação química e a libertação de um gás potencialmente nocivo.

O funcionamento do hospital encontra-se normalizado, depois de concluídas as operações de limpeza. 

[notícia atualizada às 18h10]