Cultura

Madonna de volta ao Adamastor

Hoje, a cantora norte-americana dá o primeiro dos oito concertos marcados para o Coliseu dos Recreios, em Lisboa.

 

Madonna aterrou esta semana em Lisboa e voltou à casa perto do Largo de Adamastor que, apesar de a cantora ter partido em digressão, continua arrendada à estrela norte-americana. E, desta vez, voltou literalmente em trabalho: a partir de amanhã, a tour Madame X, resultado do álbum homónimo que lançou no ano passado, inicia a sua etapa em solo europeu. O local escolhido foi precisamente o mesmo onde Madonna cozinhou Madame X - Lisboa.

Hoje, a cantora dá então o primeiro de oito concertos em solo luso, todos marcados para o Coliseu dos Recreios. O álbum de 15 faixas conta com colaborações de nomes como Dino d’Santiago, Anitta ou Gaspar Varela, o jovem guitarrista português bisneto de Celeste Rodrigues, assim como alguns membros da Orquestra de Batukadeiras de Portugal. Madame X é o resultado de um caldeirão cultural no qual Madonna diz ter emergido quando, pouco antes de completar 60 anos, se mudou para Lisboa, e no qual junta pop com os sons latinos e africanos e ainda os tons do fados que foi ouvindo em Alfama.

Os músicos que a acompanham nesta tour assinaram um acordo de confidencialidade, mas o SOL sabe que Gaspar Varela vai partilhar o palco com a artista. Provável é também a presença de Dino d’Santiago, que em Lisboa, a julgar pelo que foi sendo partilhado pela artista nas redes sociais, foi uma espécie de cicerone musical de Madonna e uma ponte de contacto com a cultura cabo-verdiana. Terá sido Dino, inclusivamente, quem apresentou o projeto da Orquestra das Batukadeiras, que apadrinhou em 2017, à cantora norte-americana. 

Para lá dos convidados, possível é também uma evocação a Celeste Rodrigues, por quem Madonna nunca escondeu o carinho. Em dezembro de 2017, durante um convívio lisboeta, as duas partilharam a interpretação de Can’t Help Falling In Love, de Elvis Presley e no final desse mês Celeste Rodrigues, que faleceu em agosto de 2018, aos 95 anos, voou a convite de Madonna para Nova Iorque, onde passou o ano.

 

Tudo em casa

Ao que o SOL apurou, Madonna passou os últimos dias rodeada por toda a família na casa do Adamastor, exceção da filha mais velha, Lourdes, de 23 anos. A casa, para onde a cantora de mudou após ter vivido no Palácio do Ramalhete, na Rua das Janelas Verdes, situa-se na mesma rua onde o banqueiro português Horta Osório mantém também residência e é propriedade de um empresário da noite de Lisboa e Porto. 

À trupe juntou-se também o mais recente namorado da artista de 61 anos: Ahlamalik Williams. O modelo, coreógrafo e bailarino, nascido em abril de 1994, tem 25 anos. Os 36 anos que os separam foram ultrapassados depois de terem trabalhado juntos na digressão internacional Rebel Heart Tour, em 2015 e 2016. Williams faz também parte do elenco de Madame X e, assim sendo, vai subir com a namorada ao palco dos Recreios.