Vida

Anúncio do KFC com crianças a olhar para decote feminino gera polémica na Austrália | Vídeo

Vídeo é considerado uma objetificação sexual da mulher.

A cadeira de restaurantes KFC emitiu um comunicado onde apresenta um pedido de desculpas, depois de um anúncio publicitário gerar polémica na Austrália. Em causa está o facto de nas imagens surgirem duas crianças a olhar de boca aberta para o decote de uma mulher, enquanto esta ajusta o peito.

O anúncio, que tem cerca de 15 segundos, e foi transmitido nas televisões, gerou polémica por se considerar que este representa uma objetificação da mulher. O grupo australiano Collective Shout caracterizou o vídeo como "uma regressão aos estereótipos cansados e arcaicos em que as jovens mulheres são objetificadas para o prazer masculino".

A cadeia de fast food pediu desculpas e rejeitou qualquer tipo de estereótipos, não confirmando, no entanto, se vai ou não retirar o anúncio do ar.

"Pedimos desculpa se alguém ficou ofendido com o nosso último anúncio. A nossa intenção não era estereotipar as mulheres e jovens rapazes de forma negativa", afirmou o KFC em comunicado.