Economia

Isabel dos Santos deixa de ser acionista do EuroBic

A empresária angolana detinha 42,5% do antigo banco do Estado português.

Isabel dos Santos vai deixar de ser acionista no EuroBic. Em comunicado, o banco explica que "a operação de alienação da sua participação já foi iniciada" e que a sua saída "decisiva" vai "concretizar-se o mais brevemente possível".

Sendo assim, a empresária angolana renunciou ao exercício dos seus direitos de voto e, consequentemente, todos os administradores não executivos "que exercem funções na estrutura de gestão do Universo da Eng.ª Isabel dos Santos apresentaram a renúncia aos seus cargos no EuroBic com efeitos imediatos".

A venda dos 42,5% que tem no antigo BPN está a ser negociada.

Recorde-se que a empresária angolana tem sido notícia nos últimos dias depois de ser conhecido o caso Luanda Leaks, uma investigação do Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação, onde foram analisados 715 mil documentos que mostram esquemas financeiros feitos, alegadamente, por parte de Isabel dos Santos.

A investigação detalha esquemas financeiros que terão permitido retirar dinheiro dos cofres do Estado angolano, por meio de paraísos fiscais. No final do ano passado, Isabel dos Santos já tinha sido acusada pela justiça angolana de celebrar negócios com o Estado através de empresas públicas.