Sociedade

Bebé nasce na A4 em Mirandela

 Este é o segundo nascimento na autoestrada, no espaço de duas semanas.

Um bebé nasceu, esta terça-feira de madrugada, numa ambulância na A4, em Mirandela.

A mãe da recém-nascida estava a ser transportada para a maternidade de Vila Real e acabou por entrar em trabalho de parto, obrigando os dois enfermeiros do Suporte Imediato de Vida e os dois bombeiros voluntários de Mirandela a auxiliarem-na no nascimento da menina.   

 "A senhora estava com contrações e ocorreu a rutura da bolsa de água pelo que tínhamos de fazer o trabalho de parto ali mesmo. Estabilizamos a parturiente até à chegada da equipa da SIV e por todos conseguimos realizar o parto sem problemas com a mãe a consegui expulsar por ela própria o bebé", explicou um dos bombeiros de Mirandela presentes na ambulância, em declarações ao Jornal de Notícias.

O pai da criança, que seguia no carro atrás da ambulância admite ter vivido um momento de ansiedade com toda a situação. “Nem sabia o que pensar nem como reagir quando vi aquela situação, mas felizmente as coisas correram bem, porque os bombeiros e os enfermeiros estiveram bem, mas as coisas podiam ter sido de outra forma se houvesse uma maternidade em Mirandela, entretanto fechada em 2006", sublinha Philippe Guilherme. A mãe e a bebé foram transportadas para a maternidade de Vila Real e encontram-se as duas bem de saúde. 

 Este é o segundo nascimento na autoestrada, no espaço de duas semanas. No passado dia 26 de janeiro, uma mulher também entrou em trabalho de parto na A4, antes do nó do Azibo, no concelho de Macedo de Cavaleiros, quando se deslocavam para a maternidade de Bragança.