Sociedade

Populares encontram cobra pitão albina de quatro metros durante caminhada na serra algarvia | Vídeo

Animal foi capturado.

Foi capturada, esta quinta-feira, na Fonte Benémola, em Querença, Loulé, uma cobra pitão albina com quatro metros de comprimento. A captura aconteceu depois de populares alertarem o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

Em declarações à agência Lusa, Joaquim Castelão Rodrigues, diretor regional do ICNF, explicou que, após o alerta de populares que "caminhavam num percurso pedestre junto à Fonte Benémola" e que “enviaram um vídeo, a testemunhar o encontro e o real tamanho do réptil", foi enviada uma patrulha de vigilantes de natureza do Parque Natural da Ria Formosa para o local.

Os vigilantes acabaram por capturar a cobra e confirmar que esta tinha quatro metros.

Segundo o responsável, o animal ficou nas instalações do ICNF, na Quinta de Marim, em Olhão, até que seja encontrado um local onde possa ser tratada. "Vamos procurar uma solução para a cobra, ver quem tem condições para ficar com ela, um 'zoo' aqui no Algarve, ou talvez em Lisboa", disse.

Joaquim Castelão Rodrigues disse ainda que não foi possível apurar de onde veio a cobra e explicou que, sendo um animal exótico e albino, terá de ser mantido em cativeiro. O responsável afirmou ainda que há uma "grande probabilidade que tenha sido libertada" por um cidadão, devido ao seu tamanho.