Economia

Compra TVI. Prisa diz que vai tomar “todas as medidas” para forçar negócio

Medida surge depois de a empresa de Paulo Fernandes ter decidido não prosseguir com a compra da Media Capital.


A Prisa, que é dona da Media Capital, anunciou esta quarta-feira que vai tomar “todas as medidas” contra a Cofina com o objetivo de forçar o negócio. O anúncio surge depois de a empresa de Paulo Fernandes ter anunciado que a operação não era concluída depois de ter fracassado o aumento de capital.

Em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Prisa explica que “de acordo com as declarações feitas pela Cofina no acordo de compra e venda e em comunicados aos mercados, a Cofina tinha os compromissos necessários para financiar a quantia requerida para completar a transação, de um lado por instituições de crédito e, de outro, pelos principais acionistas da Cofina no montante necessário para dar cobertura ao aumento de capital”, lê-se.

Nesse sentido, “a companhia iniciará, a partir desta data, todas as ações disponíveis contra a Cofina no prosseguimento do acordo de compra e venda”.

O aumento de capital era uma das necessidades para a conclusão do negócio e que a Prisa garante que foi uma decisão “voluntária” da Cofina.