Economia

Covid-19. CTT encerra 18 estações e reduz horários

Correios levaram a cabo várias medidas para mitigar propagação do Covid-19.

Os CTT vão encerrar 18 estações, reduzir horário de funcionamento em lojas e realizar atendimento à porta fechada nas lojas próprias. O anúncio foi feito pelos Correios e tem como objectivo mitigar a propagação do Covid-19 em Portugal.

Como já vários serviços têm feito nos últimos dias, os CTT vão implementar o atendimento à porta fechada “de forma a minimizar a permanência de clientes em loja e para garantir o distanciamento entre cada cliente”. Isto significa que apenas poderão permanecer dentro da loja os clientes que estiverem a ser atendidos. “A fila de espera será efectuada à porta da loja, garantindo que os clientes em espera o façam num local arejado e que mantenham a distância mínima sugerida”, explicam os Correios.

Outra das mudanças necessárias levadas a cabo pelos CTT diz respeito aos horários. Assim, todas as lojas que continuarem em funcionamento terão um período de almoço das 12h30 às 14h30. O objetivo é que a limpeza dos espaços seja efetuada de forma mais profunda. No entanto, os CTT garantem que os horários das lojas estarão em permanente atualização no site.

 Além de os trabalhadores terem a possibilidade de usar máscara, luvas e gel desinfetante no atendimento aos clientes, as lojas terão uma fita colorida sinalizadora no chão para que os clientes mantenham a distância de segurança.

 “Por determinação dos Governos Regionais dos Açores e Madeira, encontra-se inibido o pagamento do subsídio social de mobilidade nas lojas destas regiões autónomas no período inferior a 15 dias da efetivação da viagem”, explicam ainda os CTT.

Já os carteiros vão também adotar procedimentos específicos na interação com a população para reduzir o risco de contágio.

A vila de Buarcos, Boavista, Cesar, Espargo, Travessa (S. João da Madeira), Arcozelo (Vila Nova de Gaia), Mesão Frio, S. Pedro da Cova (Gondomar), Vila Nova Foz Côa, Cantarias (Bragança), Santa Tecla (Braga), Caxinas (Vila do Conde), Parque (Matosinhos), Praia (Póvoa de Varzim), Gil Eanes (Portimão), Olhos de Água, Sines e Santo António dos Cavaleiros serão as lojas CTT encerradas.